Skip directly to content

Programa quer incentivar o exercício da cidadania plena em MS

Data: 
14/10/2021 - 13:16
Para serem bolsistas é preciso estar matriculados na rede pública ou particular de ensino (Foto: Chico Ribeiro)

O Governo do Estado vai conceder bolsas a monitores sociais, supervisores e coordenadores que integrarem a equipe do Programa Cidadania Viva, coordenado pela Secretaria de Estado de Cidadania e Cultura.

Eduardo Romero, secretário adjunto da pasta, explicou que o Programa vai estimular o exercício da cidadania plena, através de quatro eixos.

Dentro do Programa também está previsto a “Prosa Cidadã”, que são rodas de conversa em comunidades, universidades e segmentos sociais; o “Pontes de Cidadania”, que permitirá o uso de espaços públicos; e a “Rota Cidadã” que levará conhecimento sobre a história de Mato Grosso do Sul a todo o Estado. Romero explicou que essa será uma grande oportunidade de envolver jovens na prática da cidadania, no seu dia-a-dia.

Para serem bolsistas é preciso estar matriculados na rede pública ou particular de ensino, tendo 75% de frequência nas aulas, deve residir em Mato Grosso do Sul e não ser beneficiário de qualquer outro tipo de bolsa ou auxílio financeiro.

Para as vagas de monitor social o candidato deve ter de 16 anos a 29 anos. Para supervisor (18 a 21 anos), coordenador-regional (22 a 24 anos) e coordenador-geral (25 a 29 anos).

 

Katiuscia Fernandes - Subcom