Skip directly to content

Assomasul apresenta proposta ao Banco de Brasília - BRB para concessão de créditos aos municípios do MS

Data: 
07/07/2021 - 21:20
Fonte ASCOM

Nesta quarta-feira (07/07) aconteceu uma reunião na sede do Banco de Brasília (BRB) com presidente Paulo Henrique e diretoria técnica da presidência do Banco a Sra. Eugênia Melo, Rayssa Melo, Dannyel Lopes e os assessores Leonardo e Romulo, essa reunião foi marcada pelo Deputado Federal Beto Pereira que no qual conduziu a mesma e fizeram parte da reunião o prefeito de Terenos Henrique Budke e o diretor geral da Assomasul Rogério Rosalin e o diretor do consórcio Brasil central Pedro Paulo e assessor do deputado Gustavo Pereira.

Nessa reunião foi apresentado ao Banco o FUNDERSUL recurso esse que é repassado pelo Governo do Estado a todos os municípios, que tem na média crescido em torno de 15% ao ano, tudo relacionado à sua legalidade, forma que é arrecadado e também executado, foram apresentados à diretoria técnica da presidência do Banco.

O deputado federal Beto Pereira que no qual conduziu a reunião e tem amplo conhecimento dessa fonte de arrecadação do governo do Estado, pois o mesmo já foi Prefeito e também deputado estadual, ele demonstrou desde sua criação em 2005 até à data de hoje, comprovando a sua solidez e crescimento de 15% na média pós ano a ano.

A ideia que a Assomasul levou até ao BRB é que os municípios possam contratar empréstimo junto ao BRB utilizando como forma de pagamento do empréstimo contratado até 30% do valor recebido mensalmente do Fundersul.

O Banco sinalizou interesse na proposta, pois é algo extremamente novo e viável, os empréstimos concedidos hoje pelos bancos têm como fonte pagadora e fiadora, o Governo Federal através do recurso do FPM.

Nesse primeiro momento o jurídico do banco irá analisar a lei do Fundersul e exigir alguns procedimentos necessários para contratação do empréstimo, lei estadual e municipal autorizando o município a contratar esse empréstimo, o Banco levará para seu conselho essa ideia com todo estudo já levantado e assim tomar uma decisão de quantos de recurso que irá disponibilizar para essa provável nova linha de crédito do Banco de Brasília.