Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Skip directly to content

12 municípios de Mato Grosso do Sul vão participar do Projeto Rondon

Data: 
21/06/2022 - 16:08
Prefeitos assinam termo para receber Projeto Rondon (Foto: Edson Ribeiro)

 

 

Em julho de 2023, o Estado de Mato Grosso do Sul abrigará mais uma vez a Operação do Projeto Rondon, que contemplará 12 municípios do estado e terá como centro regional a cidade de Campo Grande.

A iniciativa envolve o Comitê de Orientação e Supervisão do Projeto Rondon sob a coordenação do Ministério da Defesa, e contará com a parceria do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e dos municípios participantes. Contará, ainda, com o apoio do Exército Brasileiro, nesta oportunidade representado pelo Comando Militar do Oeste e pelo 20º Regimento de Cavalaria Blindado e com a imprescindível participação de Instituições de Ensino Superior (IES) de diversas regiões do país.

Na ocasião, o prefeito de Bela Vista, Reinaldo Piti, representou o presidente da Assomasul, Valdir Junior.

Sobre a Operação

 

A Operação a ser realizada contará com a participação de 252 Rondonistas, professores e estudantes universitários que trocarão o período de férias escolares pela chance de realizar, de forma voluntária, ações que contribuirão para o desenvolvimento sustentável nas comunidades contempladas, por meio do emprego das habilidades universitárias e em prol do desenvolvimento e/ou do fortalecimento da sua cidadania.

Cada município receberá, por 12 dias, 2 IES com 10 integrantes cada, sendo 2 professores e 8 alunos por equipe. As duas equipes trabalharão com oficinas de diferentes áreas do conhecimento divididas por:

Conjunto “A” – Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação e Saúde e;

Conjunto “B” – Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho.

As equipes atuarão nos municípios de: Água Clara, Bonito, Caarapó, Camapuã, Figueirão, Inocência, Juti, Nioaque, Novo Horizonte do Sul, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde de Mato Grosso e Taquarussu.

Será selecionada, ainda, uma IES que será responsável pela divulgação da Operação e que percorrerá todos os municípios. A equipe chamada Conjunto “C” contará com dois professores do curso de Comunicação Social e 10 estudantes da área, que serão responsáveis pela cobertura jornalística e produção de conteúdo. As atividades têm por objetivo dar visibilidade às ações sociais realizadas pelos Rondonistas junto às comunidades e as atividades do Projeto Rondon.

O Estado de Mato Grosso do Sul já recebeu o Projeto Rondon por duas 2 vezes. Em 2011, quando foram realizadas duas operações simultâneas, a Operação Arara Azul, que contemplou 8 municípios, e a Operação Especial Rio Paraguai, que foi realizada na calha do Rio Paraguai nas partes norte e sul com foco nas comunidades ribeirinhas. Em 2018, a Operação Pantanal, com 12 municípios beneficiados.

 

Acesse aqui e veja mais fotos do evento