Skip directly to content

Reinaldo destaca prioridades municipais reivindicadas pelos prefeitos de MS

Data: 
25/10/2019 - 14:34
Governador durante o programa Governo Presente em Maracaju

O Governo Presente chega ao fim da penúltima etapa nesta sexta-feira (25) fazendo um raio-x, até o momento, das necessidades da população de 61 dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul.

Para o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), ao identificar as prioridades de cada cidade será possível levar investimentos de acordo com a vontade da população. O Governo Presente está em Naviraí, onde estão sendo ouvidas lideranças de 17 municípios.

“É muito importante dar essa oportunidade às lideranças, prefeitos e prefeitas, vereadores e vereadoras, secretários e secretárias municipais, lideranças desses municípios. Porque cada município um tem uma prioridade. Ouvindo esses municípios, vamos identificar prioridades, levar aqueles investimentos que espelham a vontade da população local. Nós ouvimos as reivindicações, transformamos sonhos em realidades e podemos planejar a entrega para os próximos anos”, afirmou.

Reinaldo Azambuja destacou ainda que as obras do governo nos municípios estão sendo possíveis, em parte, graças às parcerias com as bancadas federal e estadual. 

“Nas reuniões temos a Assembleia Legislativa junto porque muito da condição para termos os recursos quem propicia isso é a Assembleia Legislativa por meio de projetos de lei e apoio as ações, e fundamental também a presença da bancada federal, que tem destinado recursos para que nós podermos atender áreas que são prioritárias: agricultura familiar, equipamentos na saúde, a compra dos ônibus escolares, os investimentos em infraestrutura. Então, essa parceria com o Poder Legislativo Estadual e com a bancada federal fortalece o Governo Presente”.

Durante a quinta etapa do programa que leva o gabinete e os secretários de estado para o interior, o governador Reinaldo Azambuja mais uma vez ouviu diversos elogios à política municipalista. Ele contou que as reuniões são técnicas e apartidárias.

O Governo Presente já passou por Três Lagoas, Rio Verde, Aquidauana e Campo Grande. O próximo e último desembargue da gabinete itinerante será em Dourados.